Comprar ou alugar seu primeiro lar?

Atualizado: 11 de jul. de 2021

“Muitas pessoas gastam o dinheiro que ganharam… Para comprar coisas que elas não precisam… Para impressionar pessoas que elas não gostam.”

– Will Rogers

 

Antes de entrar na universidade para fazer Arquitetura eu trabalhei no ramo imobiliário e gostei muito do assunto, trabalhava como secretária. Depois que entrei na universidade voltei a trabalhar na área, agora já na especialidade de incorporação, depois fui para uma construtora onde aprendi muita coisa sobre investimento imobiliário e estudo de viabilidade. E este universo imobiliário me ajudou a projetar para meus clientes de maneira a produzir imóveis com boas características para venda e ou para aluguel.


Eu saí da casa dos meus pais com 21 anos, quando fui fazer faculdade morando junto com meu namorado (hoje meu maridão) e não tinha a minha vida financeira planejada. Na época eu só tinha uma opção: morar de aluguel.


Normalmente ao sair da casa dos nossos pais ficamos na maior dúvida: Comprar ou alugar uma casa? Esta é uma dúvida constante, pois não envolve apenas o universo financeiro, mas uma decisão de fundo emocional para o primeiro grande passo de uma vida independente.


Então como se organizar para não meter os pés pelas mãos?


Podemos dizer que devemos avaliar nossas metas de curto e longo prazo que serão os seus objetivos ao final da concretização destas metas que é possivelmente a realização de um sonho.


Caindo na real tudo vai depender da sua ORGANIZAÇÃO FINANCEIRA, coisa que o brasileiro em sua maioria não tem muita organização, né? Considerando que os jovens atualmente têm saído da casa dos pais (sem serem mais dependentes deles) numa média de 25 a 34 anos, podemos dizer que isso hoje é um tempo muito bom para se organizar para esta grande mudança.


Então devemos pensar seriamente nas possibilidades: COMPRAR (financiamento/consorcio) ou ALUGAR?

Para decidir comprar você precisa considerar várias questões e a primeira delas é o fundo de reserva, pois diferente do aluguel o prejuízo ao financiar este imóvel vai ser muito maior se ficar sem pagar as parcelas. Ao comprar um imóvel você praticamente passa ser inquilino do banco onde você vai pagar um aluguel (os juros) pelo dinheiro que pegou emprestado. Geralmente ao final de 30 anos você vai pagar quase 4 imóveis em juros. NÃO PERCA AS ESPERANÇAS! Tem solução para ser um bom investimento.

Para ser bom e não ter tanto prejuízo é muito importante ter no mínimo 30% do valor total do imóvel para dar de sinal e ter em reserva no banco 12 meses com o valor total das parcelas (dentro destes 12 meses), pois isso ajuda a reduzir a taxa de juros menores e evitar problemas não previstos.

Outra questão é saber o quanto de responsabilidade você quer ter para administrar e manter um bem, tais como: impostos, taxas, manutenções e outros.


Se você é uma pessoa que busca conhecer outros estados, países... talvez a melhor opção seja viver de aluguel que permite mais flexibilidade de decisão e com isso investir seu dinheiro em aplicações, para no futuro quando decidir comprar não ficar tão amarrado pelos juros do financiamento.


Tudo depende de seu estado de espírito!

No meu caso como saí muito cedo de casa, morei durante muitos anos de aluguel até que sentimos a necessidade de comprar o nosso primeiro imóvel, num lugar que não era o nosso sonho ideal, mas que financeiramente valeu muito apena. Compramos por um sinal de 15mil + 30mil parcelado, reformamos com 70mil e vendemos por R$ 270mil, moramos nesta casa por quase 2 anos, era tanta oferta para vender a casa (pois o projeto da reforma chamou muita atenção – reformar a casa com um profissional ajuda valorizar e muito o imóvel) que aproveitamos para vender.


O que pesou na minha decisão de esperar 11 anos até comprar o primeiro imóvel e que também pode pesar na decisão de vários jovens?


O momento pessoal e os planos futuros.

Se você deseja mudar de cidade, ter uma carreira que lhe permita transferência com facilidade, se deseja formar uma família... tudo isso precisa ser levado em consideração.


SE A SUA QUESTÃO FOR APENAS FINANCEIRA... Pensando em te ajudar eu vou liberar uma planilha para que possa ver pelo PONTO DE VISTA FINANCEIRO se é vantajoso comprar ou não.


Sobre a Autora:

Grasiela Mancini é Arquiteta & Urbanista, formada pela USU – RJ (Universidade Santa Úrsula) no ano de 2001 e desde a sua formação realiza sonhos em forma de imóveis!


#TENHAAMORPELASUACASA

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo